terça-feira, 21 de junho de 2011

o futuro esta cada vez mais perto do passado

Temos o costume de pensar que casas feitas de barro são obras sem recursos,  construídas por povos pobres.

Precisamos rever estes conceitos afinal o planeta e rico em materiais alternativos e nao é possível que ainda milhões de pessoas nao tenham onde morar.

Que tal esta casinha de barro?

 

 
Parece incrível mas cerca de 3 bilhões de pessoas ainda moram ou trabalham em casas de barro pelo mundo, este tipo de construção alternativa e barata  e inteligente. A bi construção como e chamada, ganha cada vez mais espaço no mundo moderno. O uso de barro neste tipo de construção propicia que a umidade se mantenha em níveis ideais, tanto no inverno quanto no verão economizando assim eletricidade. Chamado de concreto verde pelos arquitetos modernos e eco construtores, e uma excelente alternativa em relação ao cimento que libera quantidades significativas de CO2 na atmosfera durante sua construção. A idéia deste tipo de construção vem dos povos Musgum, de Camarões, cujas casas são erguidas com simplicidade quase orgânica. As de curvas, ranhuras e telhados cônicos todas feitas com as próprias mãos.
 
Chegam a atingir quase 9 metros de altura, as paredes são mais grossas nas bases em relação a cimeira, o que aumenta a estabilidade da construção e geralmente a parte superior da casa e perfurada com uma abertura circular para entrada de ar o que propicia uma condição térmica de frescor. Possuem veios externos para escoamento da água da chuva, sua forma cônica faz referencia a conchas.Acredita-se que unidades habitacionais e edifícios de apartamentos pequenos podem facilmente serem construídos a partir de terra em qualquer parte do mundo.

 

Casas_colmena

Casas colméia na Síria

 

[arq057_00_04.jpg]

As tendas Tuareg, no Noroeste da África, são compostas de fibras e peles de cabras e podem ser desmontadas e transportadas.

Os pastores semi-nômades da África do Sul fazem suas casas com esteiras de junco sustentadas por uma armação de cana.

arq057_00_08

Os Gurunsi, em Burkina Fasso, constroem suas habitações como vasilhas semi-enterradas na areia, com ornamentação feita pelas mulheres, não apenas com função artística, mas também destinadas à proteção climática obtida com o robustecimento de frisos.

 

arq057_00_01

Tenda Hassaniya no sudoeste de Marrocos.

 

arq057_00_05

Interior de tenda Fulani no Oeste da África.

 

arq057_00_07

Habitação feita de juncos no Senegal.

Junco, palha, barro... Estas construções lembram as origens da arquitetura na forma da Cabana Primitiva, mas de primitivas não têm nada! É impressionante a arte que esses povos conseguem fazer com materiais tão simples!

Incrível como o futuro esta cada vez mais perto do passado.

Nenhum comentário: